01/08/07

Às estrelas que nascem a 2 de Agosto

Rompes a inércia,
Emerges da luz.
Nasces.
Tragas a vida toda de um impulso só
E sentes, ainda assim, que é pouco.
Tens o futuro na tua mão, pensas tu.
Sabes que és força cósmica,
Fogueira inapagável,
Neve eterna no alto da montanha
Que ergueste com um sopro, pensas tu.
Um dia serás fogo de artifício
E mostrarás a todos o exuberante que és,
Serás a maré alta,
A lua cheia,
O vento quente do Sul, forte.
Um dia, mais tarde, serás espuma das ondas,
Aquilo que sobra da força do mar,
A crepitar na areia,
Quase memória.
Serás brisa.
Um dia serás o amor que semeaste,
Ou um poema há muito escrito,
Se calhar apenas isso.
Terá sido muito bom.
Verás que valeste a pena.

14 comentários:

rtp disse...

Belas estas palavras, como todas as suas!

J. disse...

Gostava de nascer a 2 de Agosto! Não queriamos todos... valer a pena? parabéns, belo texto. J.

rui disse...

Olá Baudolino

Li lentamente, palavra a palavra, para poder saborear esta fogueira de belas palavras.
Valeu a pena.

Abraço

Graça Pires disse...

Todos os dias nascerão estrelas a 2 de Agosto... "pensas tu". Um abraço.

Blas Torillo disse...

Bau... que padre. Esto es un homenaje a la esperanza y a la vida.

Me gustó mucho.

Claudia Sousa Dias disse...

Artemis...

CSD

moonlover disse...

Belissimo!

este texto :)

...um dia serás o amor que semeaste,

a melhor maneira de lidar com o dia-a-dia:)

Parabens,
um beijo,
bety

triliti star disse...

será?...

filipelamas disse...

Ver que se valeu a pena!
Em grande!
Abraço forte.

rui disse...

Olá Baudolino

Está a tornar-se vício passar por aqui.

Que tenhas um bom fim-de-semana

Abraço

bettips disse...

Uma terna aventura, essa dos filhos... Linda a dedicatória. Abç

Blas Torillo disse...

Salu2 Bau.

Sólo pasé a dejarte un abrazo.

clotilde disse...

ai é?

SILÊNCIO CULPADO disse...

São tantas as palavras mas tão difíceis as escolhidas!..Mas para 2 de Agosto foram as melhores...